Home    Colunista    Wagner Santos    Lula em Cachoeiro

Lula em Cachoeiro

Por Wagner Santos

14.11.2017

 

 

 

Maior que a tristeza de não haver vencido é a vergonha de não ter lutado!

Rui Barbosa

O ex-presidente Lula vem ao Espírito Santo nos dias 4 e 5 de dezembro. Na sua agenda constam compromissos na Grande Vitória e, também, em Cachoeiro de Itapemirim, no segundo dia. O petista tem percorrido o país em caravana, em que faz pré-campanha para as eleições do ano que vem, e se defende das acusações que é alvo na Operação Lava Jato. Segundo os institutos de pesquisa, Lula lidera a preferência dos eleitores para voltar à presidência do país e deve chegar ao segundo turno, caso seja candidato. A mais recente, do Ibope, dá 355 das intenções de voto ao petista.

 

Bolsonaro no ES 

 

O deputado Jair Bolsonaro é outro presidenciável a desembarcar no Espírito Santo. Ele vem hoje, para uma série de compromissos na Grande Vitória, sem previsão de passar pelo interior. Bolsonaro aparece em segundo na pesquisa do Ibope, com 13% das intenções de voto. O levantamento foi divulgado em 30 de outubro.

 

Hartung de fora

 

Nem Bolsonaro hoje, nem Lula no dia 5 devem ser recebidos pelo governador Paulo Hartung. O governador do Espírito Santo, assediado por lideranças nacionais para compor chapa como candidato a vice-presidente, quer distância dos dois. Ele tem dito que sua inserção no cenário político nacional se dá principalmente para evitar os extremos. Quer alternativa mais ao centro.

 

“O país está em um ambiente péssimo, mal-humorado e em desconforto. Só sobra no país os extremos. Precisamos do exercício de liderança social e coletiva. É necessário criamos o centro político para construir uma agenda modernizadora do país. Agenda boa não é da bravata. Se entramos neste caminho vamos flertar com os piores exemplos produzidos por nossos vizinhos latino-americanos. Esperamos que a economia reaja para que a geração de empregos e renda permita retomar a racionalidade nos debates”, destacou.   

 

Sobe

Inscrições

O processo seletivo para designação temporária da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) recebeu 34.522 inscrições. No último domingo (12), terminou o prazo para se inscrever por meio de sistema desenvolvido pelo Instituto de Tecnologia da Informação e Comunicação do Estado do Espírito Santo (Prodest), que está disponível pelo site www.selecao.es.gov.br.  

 

Desce

Sem coesão

Será difícil para o prefeito de Cachoeiro de Itapemirim Victor coelho (PSB) fazer sua gestão avançar quando dentro dela há visíveis divisões políticas, partidárias e eleitorais que impedem que as atuações sejam mais coesas. As baixas são sucessivas e quanto mais se aproxima o pleito de 2018, pior a situação fica. Dificuldades já começam a despontar também na Câmara.

 

Vias de FATO

A Prefeitura de Cachoeiro decidiu confirmar a compra de equipamentos pedagógicos da Brink Mobil, no valor de R$ 2,3 milhões, em adesão a ata do FNDE.

 

A empresa é investigada por participação em esquema de fraudes em licitação em São Paulo, mas, segundo a Prefeitura cachoeirense, não há nada que a torne inidônea.

 

Em Marataízes, a Câmara se prepara para autorizar à Prefeitura que conceda os serviços de saneamento básico, hoje a cargo do Saae, que atende também a Itapemirim.

 

Em Itapemirim, o assessor de Comunicação da Prefeitura, Pedro Paulo Biccas pediu exoneração, dias após ser perseguido e filmado, na madrugada do dia 3.

 

Biccas diz que pediu para sair por temer pela própria vida ante o clima instalado no município, na briga entre o prefeito interino, Thiago Peçanha, e o titular afastado, Luciano Paiva.

 

 

Comentários


(28) 3511-7481

 

es.fato@terra.com.br

redacao@jornalfato.com.br

 

Faça parte de nosso Facebook!

 

© 2016 Jornal Fato. Todos os direitos reservados.