Home      Polícia

Acusado conta como abordou Thayná e conta sua versão da morte dela

13.11.2017

 

 

 

O acusado de sequestrar e matar Thayná Andressa de Jesus Prado, de 12 anos, contou à polícia detalhes de como abordou a menina e de como ela morreu. A versão dele foi gravada em vídeo.

 

Ademir conta que viu Thayná e parou o carro. Chamou por ela e perguntou de sua mãe. Em seguida, ele chama a menina para entrar no carro, ela hesita um pouco, mas entra.

 

Quando seguia em direção à lagoa, de acordo com o acusado, parou o carro e perguntou se Thayna queria ter relações sexuais com ele e que pagaria a ela o valor de R$ 60 reais. Ela negou.

 

Segundo ele, ela abriu a porta do carro e saiu correndo, em direção à lagoa. Ademir alega que tentou correr, mas viu a menina afundar na água. Contou que não tinha como salvá-la, porque a lagoa é funda.

 

“Ela passou por um alambrado e foi correndo pela lagoa, e aí eu vi ela afundando na água. Não tinha como salvar ela, foi muito rápido”, comenta.

 

Ele disse ainda que o corpo da vítima estava dentro da lagoa.

 

 

 

 

Comentários


(28) 3511-7481

 

es.fato@terra.com.br

redacao@jornalfato.com.br

 

Faça parte de nosso Facebook!

 

© 2016 Jornal Fato. Todos os direitos reservados.