Direto do campo para a merenda - Jornal Fato
Economia

Direto do campo para a merenda

Prefeitura vai adquirir até R$ 20 mil de cada produtor para incrementar alimentação servida nas escolas


A prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim vai adquirir produtos da agricultura familiar para a merenda escolar dos alunos da rede municipal. O limite individual de venda é de R$ 20 mil. O edital de chamada pública foi lançado nesta semana pela Secretaria de Educação.

Podem participar grupos formais (organizações produtivas), grupos informais (agricultores familiares) e fornecedores individuais com Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP), documento que serve de passaporte para que agricultores familiares tenham acesso às políticas públicas do governo federal.

"É uma iniciativa importante, que valoriza os produtores da agricultura familiar e reforça a oferta nutricional aos estudantes, por meio da compra gêneros alimentícios saudáveis, frescos e de qualidade, para complementar a alimentação escolar", destaca a secretária municipal de Educação, Cristina Lens Bastos.

Os interessados devem se credenciar na Coordenadoria Executiva de Compras Governamentais da prefeitura, no Centro Administrativo Hélio Carlos Manhães (antigo Sesc). O credenciamento deve ser realizado até as 9h30 do dia 18 de setembro, data em que será realizada a sessão pública para a abertura dos envelopes com as propostas.

Comentários

VEJA TAMBÉM...