Nada e ninguém muda de uma hora pra outra - Jornal Fato
Artigos

Nada e ninguém muda de uma hora pra outra

Nada muda de uma hora pra outra a não ser quando se é acometido por uma tragédia


Nada muda de uma hora pra outra a não ser quando se é acometido por uma tragédia.

Exceto o imponderável que inclui uma tragédia, tudo que muda, muda processualmente, em fases, precisa de tempo.

Nada e ninguém muda de um dia pro outro.

Se formos sinceros com a gente mesmo concluiremos que toda mudança pela qual passamos, estejamos passando ou venhamos a passar, aconteceu, acontece, acontecerá devagar, com o tempo e tantos outros ingredientes que promovem mudanças.

Insisto, exceto uma tragédia que quando nos acomete, muda tudo em um segundo.

Agora, há um instante emblemático que se desencadeia um processo de mudança e a maioria de nós sequer consegue identificar este momento.

Há o que nos acomete sem que percebamos e inaugura um tempo de mudanças.

Normal é dizer e ouvir expressões como estas:

-ele ou ela mudou de uma hora pra outra.

-tudo mudou de uma hora pra outra.

Não, não é assim, exceto uma tragédia, tudo e todos vivem processos que vão produzindo mudanças.

Sábios e, penso eu, felizes os que discernem as épocas, os tempos, os ciclos, as fases, as estações da vida.

Estes vivem melhores pois não convivem com surpresas e sobressaltos que instabilizam a vida.

A questão é, como não percebi que algo estava acontecendo que produziram tais mudanças?

Mudanças em mim, no outro, no contexto, no ambiente.

Como não me dei conta?

Olhos abertos e sensibilidade o tempo todo ajudam a evitar surpresas desagradáveis ou não, mas, que requererão novas atitudes, novas ações, novas reações, novas soluções.

Faz sentido?

Comentários

VEJA TAMBÉM...