Liceu - Escola Viva - Jornal Fato
Artigos

Liceu - Escola Viva

Recebi o convite para a apresentação do Liceu - Escola Viva, à Comunidade...


Recebi o convite para a apresentação do Liceu - Escola Viva, à Comunidade.  No Liceu concluí o científico e lá trabalhei por dezenove anos como professora e coordenadora. Amava o Liceu, fiquei triste quando terminei os estudos e o retorno como professora me trouxe alegria e realização. Contudo, por um longo período sentia uma grande nostalgia ao passar em frente da escola, porque percebia que ela carecia de manutenção e cuidados. Em todo esse tempo só me lembro de uma grande obra de reforma. A educação se voltava para as Escolas Polivalentes e outras mais, temi até que o Liceu se transformasse num museu. Uma escola com uma estrutura maravilhosa, construída em 1936, uma história fantástica, que já fora considerada entre as melhores do Estado, com ex-alunos ocupando altos cargos pelo Brasil afora, e que passou longo tempo sem perspectivas para o futuro e sem condições de disputar com as demais.

E retornei ao Liceu e me deslumbrei com o aspecto do prédio - restaurado, limpo, colorido, decorado, bem iluminado e cheio de vida! Um grupo de alunos nos recepcionou efusivamente, o que nos cientificou da gestão participativa e democrática, pelo protagonismo dos jovens. O Liceu hoje é uma Escola Viva, em que os alunos estudam em tempo integral, exatas 9h30 diárias, com intervalo de 1h20 para o almoço oferecido na escola. Com aulas do currículo comum e outras ampliadas.

Enquanto ouvia as explanações sobre a filosofia da escola, que respeita o passado e o integra ao futuro, foram-se dissipando em mim as apreensões, e pelo entusiasmo da diretora, da equipe técnica, do corpo docente e discente, pude concluir - estou diante de um projeto que já deu certo! A Escola Viva possui uma filosofia que a sustenta através de quatro pilares: Ser, Conhecer, Fazer e Conviver. O fazer e conviver no sentido de interagir e integrar - exatamente o objetivo do encontro com inúmeros setores da Comunidade, a fim de integra-los à escola, que tem por meta a construção de uma sociedade justa e igualitária. Ela possibilita aos alunos alcançarem o entendimento do que querem para a vida, e esse projeto para o futuro é considerado o coração da escola. E a participação deles foi demonstrada através de várias apresentações culturais.

Diante do que vi e do que ouvi, e da Escola Viva que reviveu literalmente o Liceu, posso garantir, saí do encontro com a alma lavada!

 

 


Comentários

VEJA TAMBÉM...