Peça teatral para morrer de rir em Cachoeiro - Jornal Fato
Cultura

Peça teatral para morrer de rir em Cachoeiro

"Cadê o Dinheiro que Estava Aqui?" estréia neste sábado, no teatro Rubem Braga


Neste sábado, pela primeira vez, o Teatro Municipal Rubem Braga, em Cachoeiro de Itapemirim, irá receber a comédia "Cadê o Dinheiro que Estava Aqui?". A peça será apresentada em dois horários: às 18h e às 20h30. Os ingressos, antecipados, estão a R$ 7,00, no dia do evento custará R$ 14,00. A classificação é de 10 anos.

O idealizador da peça e do grupo ArtVida, Guilherme Côrrea, de 20 anos, trabalha com teatro desde os cinco e conta que esta foi sua primeira peça escrita. "Pensei em escrever minha primeira peça e queria algo diferente, um humor jamais visto em Cachoeiro e que pessoas de várias faixas etárias pudessem assistir", relata.

Guilherme garante que os personagens e o texto leve farão o público dar risadas.

"A peça está engraçada. Nós, artistas, rimos muito durante os ensaios, não porque somos amigos, porque o texto está realmente bom. Tenho certeza de que o público irá se divertir", reforça.

A peça foi escrita por ele, que conta com apoio dos outros atores do grupo. "Eu escrevo, mas eles dão o 'pitaco'. Principalmente Fábio Moreira e Lucas Moraes, que me ajudam na direção", conclui.

 

A peça

Guilherme diz que pensou em escrever a obra durante a apresentação do "Vem Dançar 5". Comentou com um amigo de trabalho e, em três dias, estava com o texto pronto.

"Já tenho, inclusive, o 'Cadê o Dinheiro que Estava Aqui? 2' pronto no papel. Assim que terminarmos as apresentações do primeiro, começaremos o segundo.

Ele conta que entregou o roteiro para os atores e logo começaram os ensaios, que duraram três meses. Nesse tempo, os personagens foram aprimorados.

"Demos mais vidas aos personagens nos ensaios, depois de os conhecermos melhor".

Fazem parte do teatro 10 atores protagonistas e cinco participantes especiais.

 

Sinopse

A narrativa acontece na pacata pensão da dona Irene. Tudo parecia normal até a chegada de um suposto mafioso, que carregava uma mala com muito dinheiro. A mala estranhamente é roubada e começa a confusão. Todos na pensão passam a ser suspeitos.

A personagem que desperta maior desconfiança é a Nazaré, viúva de cinco maridos. Ela é gananciosa por dinheiro e principal investigada pela morte de seu último parceiro, por envenenamento.

"Quer descobrir quem foi o responsável pelo roubo? Garanta o seu ingresso para o próximo sábado! Os personagens são diferentes e apostamos nisso. O público vai gostar!", convida Guilherme.

Os ingresso antecipados podem ser adquiridos com o produtor pelo telefone (28) 99988-5886, ou pelo instagram @guicorreaoficial. Também estão sendo vendidos na loja Tribus, localizada na Galeria Praça Shopping.

 

 

Comments

SEE ALSO ...